Entenda a relação entre sobrepeso e problemas na coluna.

12 de junho de 2024 | sem comentário | Categoria(s): Sem categoria

Entenda a relação entre sobrepeso e problemas na coluna.

 

A relação entre obesidade e saúde da coluna vertebral é complexa e multifacetada. O excesso de peso pode exercer uma carga adicional sobre a estrutura da coluna, o que pode levar a uma série de problemas de saúde ao longo do tempo.

O peso adicional colocado sobre a coluna vertebral pode sobrecarregar os discos intervertebrais, articulações facetarias e ligamentos. Essa sobrecarga pode acelerar o desgaste dessas estruturas, aumentando o risco de desenvolvimento de condições como osteoartrite, estenose espinhal e hérnia de disco. Além disso, a obesidade pode contribuir para o desenvolvimento de desvios posturais, como lordose lombar excessiva e cifose torácica, que por sua vez podem levar a dor e rigidez nas costas.

 

Problemas na coluna associados ao sobrepeso

Os problemas na coluna associados ao sobrepeso são uma preocupação comum de saúde, pois o excesso de peso pode exercer uma carga adicional sobre a estrutura da coluna vertebral, levando a uma série de complicações:

 

Dor nas Costas: O excesso de peso pode sobrecarregar os músculos, ligamentos e articulações da coluna vertebral, levando a dores crônicas nas costas. Essa dor pode ser causada por tensão muscular, inflamação das articulações ou compressão dos discos intervertebrais.

 

Hérnia de Disco: O aumento da pressão sobre os discos intervertebrais devido ao excesso de peso pode aumentar o risco de hérnia de disco. Nessa condição, o material gelatinoso dentro do disco vertebral pode vazar e pressionar os nervos próximos, resultando em dor, dormência ou fraqueza nos membros.

 

Estenose Espinhal: O acúmulo de tecido adiposo ao redor da coluna vertebral pode estreitar o canal vertebral, causando compressão dos nervos espinhais. Isso pode levar à estenose espinhal, uma condição na qual os nervos espinhais são comprimidos, resultando em dor, formigamento ou fraqueza nos membros.

 

Osteoartrite: O excesso de peso está associado a um maior risco de osteoartrite, uma condição na qual a cartilagem que reveste as articulações se desgasta ao longo do tempo. Isso pode afetar as articulações facetarias da coluna vertebral, levando a dor e rigidez nas costas.

 

Escoliose: Embora a escoliose possa ter várias causas, o excesso de peso pode contribuir para o desenvolvimento ou agravamento dessa condição. A distribuição desigual do peso corporal pode levar a desalinhamentos na coluna vertebral, resultando em uma curvatura anormal.

 

Impacto na Qualidade de Vida: Além dos problemas físicos, o excesso de peso também pode afetar negativamente a qualidade de vida de uma pessoa. A dor crônica nas costas e a limitação da mobilidade podem dificultar a realização de atividades diárias e interferir no bem-estar emocional.

 

Boas práticas que podem salvar a coluna

 

Na relação entre sobrepeso e coluna vertebral, algumas medidas podem ajudar a minimizar os problemas associados e promover a saúde da coluna, mesmo em indivíduos com excesso de peso. Aqui estão algumas estratégias que podem ser úteis:

Perda de Peso Gradual: Reduzir o peso corporal pode aliviar a pressão sobre a coluna vertebral e reduzir o risco de problemas relacionados. Adotar uma abordagem gradual e sustentável para a perda de peso, com mudanças na dieta e aumento da atividade física, pode ser eficaz.

 

Exercícios de Fortalecimento Muscular: Incorporar exercícios que fortaleçam os músculos das costas, abdômen e membros inferiores pode ajudar a fornecer suporte adicional à coluna vertebral. Isso pode incluir exercícios como pranchas, agachamentos, levantamento de peso moderado e exercícios de alongamento.

 

Atividade Física Regular: Manter-se ativo é fundamental para a saúde da coluna, mesmo em indivíduos com sobrepeso. A prática regular de atividade física aeróbica, como caminhadas, natação ou ciclismo, pode fortalecer os músculos ao redor da coluna e melhorar a postura.

 

Postura Adequada: Manter uma postura adequada ao sentar, ficar em pé e levantar objetos pode ajudar a reduzir o estresse na coluna vertebral. Isso inclui manter as costas retas, os ombros relaxados e distribuir uniformemente o peso corporal.

 

Uso de Suportes: Em alguns casos, o uso de suportes ortopédicos, como cintas ou coletes de suporte lombar, pode ajudar a aliviar a pressão sobre a coluna vertebral e fornecer estabilidade adicional durante atividades físicas.

 

Alimentação Balanceada: Uma dieta equilibrada, rica em nutrientes essenciais e pobre em calorias vazias, pode apoiar a perda de peso saudável e fornecer os nutrientes necessários para manter a saúde dos tecidos da coluna vertebral.

 

Fisioterapia e Quiropraxia: A fisioterapia e a quiropraxia podem ser úteis no tratamento da dor nas costas e na promoção da mobilidade da coluna vertebral. Essas terapias podem incluir técnicas de alongamento, exercícios terapêuticos, manipulação da coluna e outras abordagens para aliviar a dor e melhorar a função.

 

Consultas Médicas Regulares: Consultar regularmente um médico ou um profissional de saúde pode ajudar a monitorar e gerenciar problemas na coluna vertebral, identificar quaisquer problemas precocemente e ajustar o plano de tratamento conforme necessário.

Ao implementar essas estratégias, é possível promover a saúde da coluna vertebral e minimizar os impactos negativos do sobrepeso nessa região do corpo.

 

Conheça a Clínica Vertebrata:

 

Porto Alegre

Estamos disponíveis para atendimento presencial de segunda a sexta-feira.

Agende sua consulta: Rua Tobias da Silva, 120, sala 610. Contate-nos pelos telefones (51) 3062.3333, (51) 3231.6177 ou via WhatsApp (51) 99230-7525.

 

Canoas

Atendemos presencialmente de segunda a sexta-feira.

Agende sua consulta: Rua Domingos Martins, 121, sala 804. Entre em contato pelos telefones (51) 3456.2120, (51) 3456.2121 ou via WhatsApp (51) 99230-7525.

 

Capão da Canoa

Rua Ubirajara, 678. Contate-nos pelos telefones (51) 3665-1198, (51) 3062-3333 ou via WhatsApp (51) 99230-7525.

 

 

 


Leia também

  • Fibromialgia causa dor nas costas?Fibromialgia causa dor nas costas? A fibromialgia é uma patologia reumática de condição dolorosa, crônica e generalizada. É considerada uma síndrome por englobar diversas manifestações clínicas como dor, cansaço, […]
  • Depressão e dores na coluna: qual é a relação?Depressão e dores na coluna: qual é a relação? Muitas pessoas já sabem, principalmente aquelas que sofrem da condição, que uma dor nas costas pode nos impedir de realizar diversas de nossas atividades diárias, atrapalhando nossa vida […]
  • Espinha bífida,  você sabe o que é?Espinha bífida, você sabe o que é? A espinha bífida é um defeito congênito que causa uma separação em alguns componentes da coluna vertebral, como membranas protetoras, vértebras ou canal medular, daí o nome, que vem da […]
  • Câncer na coluna: causas, sintomas e tratamento de tumoresCâncer na coluna: causas, sintomas e tratamento de tumores O câncer na coluna surge da reprodução e crescimento desordenado das células, quando estas se agrupam e formam uma massa sólida. Tumores originários especificamente da coluna vertebral […]
  • Qual a probabilidade de você ter dores na coluna?Qual a probabilidade de você ter dores na coluna? Qual é a probabilidade de você vir a sofrer de dores na coluna? Descubra respondendo ao questionário baixo.Qual a sua idade? Menos de 30 anos – responda 0 De 30 a 39 anos – responda 1 De […]
  • Causas e consequências da escoliose na colunaCausas e consequências da escoliose na coluna A escoliose é um desvio que pode acontecer na coluna lombar ou cervical. Conheça as causas da escoliose. A coluna vertebral vista por trás deve ser alinhada. Em pessoas com escoliose na […]