Fissura do ânulo fibroso: tudo o que precisa de saber

29 de junho de 2024 | sem comentário | Categoria(s): Sem categoria

A fissura do ânulo fibroso é um problema de coluna comum e muitas vezes doloroso. Saiba mais sobre o que é o ânulo fibroso, como ocorrem as fissuras e as opções de tratamento disponíveis.

O que é o Ânulo Fibroso?

O ânulo fibroso é a camada externa e rígida do disco intervertebral, localizado entre as vértebras da coluna. Este disco tem uma função de amortecimento, composto por um núcleo pulposo interno e o ânulo fibroso, que protege e mantém a simetria do núcleo, distribuindo a pressão uniformemente.

Causas da Fissura do Ânulo Fibroso

A fissura do ânulo fibroso pode ocorrer de forma gradual e crônica ou como resultado de uma sobrecarga súbita. Movimentos que combinam torção, flexão e agachamento simultâneo são as principais causas. Durante esses movimentos, a coluna pode “travar” e causar dor intensa. A dor tende a piorar em posições que aumentam a pressão sobre o disco, como sentar, torcer o tronco, tossir ou espirrar.

Relação entre Fissura do Ânulo Fibroso e Hérnia de Disco

A fissura do ânulo fibroso está frequentemente associada à hérnia de disco. Quando o ânulo se rompe e o núcleo pulposo se desloca, ocorre a hérnia de disco, causando ainda mais dor e complicações.

Diagnóstico da Fissura do Ânulo Fibroso

A fissura do ânulo fibroso é mais comum entre os 30 e 40 anos, mas pode ocorrer em qualquer idade. Para diagnosticar essa condição, é crucial consultar um especialista em coluna ao sentir dor. O diagnóstico é feito através de um exame físico e exames de imagem, sendo a ressonância magnética o método mais eficaz.

Tratamento da Fissura do Ânulo Fibroso

O tratamento inicial geralmente inclui repouso, analgésicos e anti-inflamatórios para reduzir a inflamação e a dor. O fortalecimento muscular e a estabilização postural são fundamentais na fase seguinte. Atividades como Pilates e fisioterapia são recomendadas para melhorar a postura e a força muscular.

Nos casos graves, onde há formação de hérnias discais, pode ser necessário realizar bloqueios ou infiltrações na coluna, ou até mesmo cirurgias minimamente invasivas como discectomia percutânea ou endoscopia de coluna.

Dicas para Prevenir a Fissura do Ânulo Fibroso

  • Manter uma postura correta: Evite posições que sobrecarreguem a coluna.
  • Praticar exercícios regularmente: Fortaleça os músculos que suportam a coluna.
  • Evitar movimentos bruscos: Reduza o risco de lesões por torções ou flexões excessivas.
  • Consultar um especialista: Ao primeiro sinal de dor, busque ajuda médica para evitar o agravamento do problema.

Conclusão

A fissura do ânulo fibroso é uma condição dolorosa que pode afetar severamente a mobilidade e o bem-estar. Um diagnóstico precoce e o tratamento adequado são essenciais para um bom prognóstico. Consulte um especialista em coluna para avaliação e tratamento personalizado, garantindo uma recuperação eficaz e prevenção de novas lesões.


Leia também