3 cuidados com a coluna na quarentena

8 de maio de 2020 | sem comentário | Categoria(s): coluna cervical, coluna vertebral, dor na coluna, dor no corpo, dores nas costas, Sem categoria, vertebrata

A pandemia do novo coronavírus (Covid-19) abalou o mundo em diversos aspectos e impôs mudanças drásticas nas nossas rotinas diárias.

A principal delas é o isolamento social, que fez com que diversas pessoas tivessem seu trabalho, estudo e demais atividades concentradas em casa.

Por isso, hoje vamos abordar 3 cuidados com a coluna na quarentena, para que você possa desempenhar suas tarefas com segurança e evitando lesões.

Confira!

Home office/ensino a distância

As principais atividades realizadas em casa na quarentena são o home office e o ensino a distância. Foi uma mudança abrupta e nem todos têm um espaço de trabalho e estudo adequado, o que pode influenciar na postura.

Mesmo assim, procure seguir estas recomendações para prevenir dores na coluna.

Ao sentar em frente ao computador/notebook para trabalhar ou estudar, tente manter o monitor na altura dos olhos, para não forçar o pescoço. A altura da mesa também é um fator que temos que ter atenção.

De preferência, a mesa deve ter uma altura que permita que os punhos fiquem em uma posição neutra, ou seja, sem dobrar. Os demais periféricos também devem estar em uma posicionados adequadamente, com o teclado em frente ao monitor e o mouse ao lado, no mesmo nível.

Também é importante manter os ombros alinhados com o quadril, o que manterá a coluna ereta. Se possível, utilize uma cadeira com encosto adaptado para a curvatura das costas e com descanso de braço na altura do cotovelo.

A altura da cadeira deve proporcionar que os joelhos fiquem levemente abaixo do quadril e os pés precisam ficar totalmente apoiados no chão ou em um descanso para esse fim.

Tarefas domésticas

Passando mais tempo em casa em razão da quarentena, muita gente aproveita para fazer aquela faxina caprichada que antes não tinha oportunidade.

Independente da tarefa que você for realizar, a coluna deve estar sempre ereta. Para isso, ela conta com a ajuda de uma dupla fundamental: Abdômen e joelho. Enquanto o primeiro deve ser contraído, o segundo precisa ser flexionado.

Com essas três partes do corpo trabalhando em harmonia, você conseguirá desempenhar suas tarefas de forma mais fácil e menos prejudicial a saúde da sua coluna.

Para lavar e passar, a dica é utilizar um banquinho ou, até mesmo, um tijolo, para apoiar um dos pés, alternadamente. Se você for executar essa tarefa durante muito tempo, é recomendado fazer pequenas pausas para descanso.

O ideal, também, é deixar o balde na altura da cintura. Ao estender as roupas, procure deixar o varal o mais baixo possível para não forçar a cervical. Se não for possível, utilize um banco ou escada para evitar elevar os braços acima do ombro.

Algumas tarefas que podem causar pressão no disco intervertebral são aspirar, varrer, e passar rodo. Nesses casos, a recomendação é optar por utensílios com cabos mais longos. Assim, você evita curvar e forçar a coluna. Fique sempre atrás da vassoura e procure não girar o corpo.

Para evitar lombalgias durante as atividades domésticas, ao limpar em locais altos, evite ficar na ponta dos pés. Utilize sempre uma escada ou banco e peça o auxílio de outra pessoa para evitar quedas.

Quanto menos você elevar os braços acima nos ombros, melhor. Ao arrumar a cama, evite curvar a coluna para a frente. Ajoelhe-se em cima ou ao lado da cama. Caso não seja possível, contraia o abdômen e flexione os joelhos.

Durante a organização de gavetas, prateleiras e armários, coloque aquilo que você mais usa na frente e aquilo que é mais pesado na altura da cintura.

Se você vai permanecer por muito tempo nessa função, sente-se e mantenha a coluna ereta para realizar a tarefa. Se precisar colocar algo pesado em cima de um móvel ou prateleira mais alto, utilize uma escada e mantenha o objeto sempre próximo ao corpo.

Crianças

Com as aulas suspensas por conta da quarentena, as crianças também estão passando o dia todo em casa e é preciso ter atenção com a postura delas. Pois, mesmo pequenas, elas já podem desenvolver problemas nesta região fundamental para a sustentação do corpo, especialmente, por estarem em fase de crescimento.

Os pais ou responsáveis devem começar a ficar atentos a partir dos 5 anos de idade, antes disso, dificilmente, a coluna sofre desgaste. Em casa, o principal ponto de atenção nesta quarentena é o uso de aparelhos eletrônicos.

Geralmente, as crianças ficam jogadas de qualquer maneira no sofá, na cama ou, até mesmo, no chão enquanto assistem vídeos e programas infantis. Quem mais sofre, nesse caso, é o pescoço, na região da coluna cervical.

Com o passar do tempo, o pequeno pode desenvolver uma cabeça protusa, em que a cabeça fica projetada para a frente, lembrando uma corcunda, além de outros problemas, como lombalgias e escolioses.

Nesses casos, é recomendado que a criança utilize o tablet ou celular sobre uma mesa, apoiando os cotovelos, para que a tela fique na altura dos olhos e não force o pescoço. Ela deve ficar com a coluna ereta na cadeira e os pés tocando no chão ou em um apoio.

Assim como devemos agir para evitar o contágio e disseminação do novo coronavírus (Covid-19), também precisamos estar atentos aos demais aspectos da nossa saúde, especialmente, durante a quarentena.

Contudo, se mesmo com todos esses cuidados você continua com dores constantes na coluna, entre em contato conosco e agende uma consulta!

Médico neurocirurgião especialista em tratamentos da coluna vertebral, é membro titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, Academia Brasileira de Neurocirurgia e Sociedade Brasileira de Coluna, bem como da North American Spine Society e Spinal Artroplasty Society.


Leia também

  • Anatomia da Coluna: Região SacrococcígeaAnatomia da Coluna: Região Sacrococcígea Para encerrar nossa série sobre a Anatomia da Coluna, hoje vamos falar da região final desta estrutura: a Região Sacrococcígea. Reunimos muita informação para que você possa ter […]
  • 11 dicas para cuidar da coluna no trânsito11 dicas para cuidar da coluna no trânsito Você sabia que os brasileiros passam cerca de 32 dias do ano apenas no trânsito? É muito tempo gasto dirigindo, pilotando, sentado ou em pé se deslocando, principalmente, para o trabalho […]
  • 4 doenças reumáticas que podem afetar a coluna4 doenças reumáticas que podem afetar a coluna Muitas pessoas se referem ao reumatismo como sendo uma doença quando, na verdade, ele constitui um grupo de centenas de enfermidades que afetam, principalmente, as articulações do […]
  • Anatomia da coluna: Região lombarAnatomia da coluna: Região lombar Na série Anatomia da Coluna, chegamos ao nosso terceiro momento, em que falaremos da Região Lombar. Uma área que muita gente já ouviu falar, até porque a dor lombar, ou lombalgia, é queixa […]
  • Cuidados com a coluna nas tarefas domésticasCuidados com a coluna nas tarefas domésticas Tão importante quanto a nossa postura durante o expediente de trabalho, é a postura para a realização das tarefas domésticas, que costumam ser tão repetitivas quanto. Especialmente, para […]
  • Mitos e verdades sobre a coluna vertebralMitos e verdades sobre a coluna vertebral “De médico e louco, todo mundo tem um pouco”. Já ouviu esse ditado? Pois é. Quando o assunto é dor na coluna vertebral, todo mundo tem uma opinião ou palpite para dar. Porém, alguns […]