Saiba o que é cervicobraquialgia

17 de agosto de 2020 | sem comentário | Categoria(s): doenças da coluna, dor na coluna, dores nas costas

Cervicobraquialgia pode até parecer um nome estranho. Mas trata-se de uma doença de coluna, e uma das maiores responsáveis por afastamento do trabalho no Brasil. O problema provoca uma dor na coluna cervical que se estende ao ombro, braços, mãos e algumas vezes até a região do tórax.

A lesão geralmente apresenta desconforto na região do pescoço, uma dor ardente, que vem acompanhada de perda de sensibilidade, força, reflexos e até habilidade motora nos braços, uma vez que as terminações nervosas cervicais são comprimidas ou inflamadas, causando desconforto ao executar movimentos.

Nossa coluna é dividida em 5 partes, sendo a coluna cervical a parte mais alta. Ela fica localizada no pescoço, na nuca, e é composta por sete vértebras cervicais, que são chamadas de C1, C2, C3, C4, C5, C6 e C7. Além dessas vértebras, a região também traz outras estruturas, como nervos, discos e ligamentos.

É muito comum as pessoas sentirem dores e desconforto nessa área. Um deles é o conhecido torcicolo. Porém, quando a dor se intensifica e começa a aparecer com mais frequência, geralmente o que está ocorrendo é um quadro de cervicalgia.

Já a cervicobraquialgia também tem essa característica de desconforto no pescoço. Porém com outra característica, que é a irradiação da dor para os membros superiores.

O que causa o problema?

As causas mais comuns da braquialgia são hérnia de disco e o estreitamento do canal cervical.

O disco intervertebral é uma espécie de almofada, localizada entre cada vértebra do pescoço. Parte de sua composição é uma substância gelatinosa, chamada núcleo pulposo, que fornece amortecimento à coluna vertebral. Essa substância é cercada por um anel cartilaginoso que a mantém intacta quando forças são aplicadas durante atividades diárias, como caminhar, por exemplo.

Caso esse anel se rompa, parte desta substância é liberada, o que comprime raízes nervosas da coluna cervical, ocasionando o quadro de dor na região.

Essa condição pode surgir a partir de lesões traumáticas ou acidentes, em alguma agressão causada pela prática de esportes de contato, má postura, reumatismo, processos infecciosos e doenças degenerativas, como a artrose, por exemplo.

Sintomas da Cervicobraquialgia

Os principais sintomas da cervicobraquialgia são a dor no pescoço, a dor no braço e também na mão. Geralmente é um desconforto ininterrupto e, em alguns casos, incapacitante.

É possível também que a pessoa acometida do problema sinta perda de força, dificuldade em movimentar o pescoço e a limitação dos movimentos nos membros superiores afetados. É possível também sentir formigamento, câimbras, tonturas, náuseas e sensação repentina de calor na região.

Diagnóstico

A cervicobraquialgia é um problema que pode ser secundário a muitas causas como hérnia cervical, tumores, processos degenerativos, entre outras. Um exame físico é realizado junto a exames neurológicos, além de testes de força, sensibilidade e reflexos.

A partir daí, pode-se diagnosticar em qual vértebra ocorre o estreitamento. Em seguida, uma série de testes pode ser feita para confirmar esse diagnóstico. O mais básico é uma radiografia da coluna cervical. Além disso, uma ressonância magnética pode ser solicitada para avaliar bem as raízes, discos e tecidos.

Para confirmar se existe ou não um comprometimento neurológico, pode-se fazer uma eletromiografia, que consiste na estimulação de diferentes grupos musculares por meio de pequenas punções, revelando se há comprometimento neurológico.

Tratamento

Entre 80% e 90% dos casos de cervicobraquialgia são tratados sem a necessidade de cirurgia. Muitas vezes, além da prescrição de medicamentos, ocorre um tratamento com exercícios isométricos e de mobilidade da coluna cervical e fortalecimento dos músculos cervicais com fisioterapia. Geralmente, a necessidade cirúrgica acontece quando o problema está relacionado a uma hérnia ou algum processo degenerativo.

Clínica Vertebrata

Se você está enfrentando este tipo de desconforto, como o causado pela cervicobraquialgia, você pode contar com a Clínica Vertebrata. Liderada pelo neurocirurgião Dr. Ailton Moraes, há mais de 20 anos a clínica oferece um novo conceito em investigação e tratamento de doenças da coluna vertebral, dorsal, lombar e cervical.

Especializada no tratamento de doenças da coluna, a Clínica Vertebrata está presente em duas cidade, Porto Alegre e Canoas, e oferece uma infraestrutura completa para comodidade de seus pacientes.

Entre em contato com nossa equipe, agende sua consulta e esclareça todas as suas dúvidas. Estamos à disposição para promover o seu bem-estar.

Médico neurocirurgião especialista em tratamentos da coluna vertebral, é membro titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, Academia Brasileira de Neurocirurgia e Sociedade Brasileira de Coluna, bem como da North American Spine Society e Spinal Artroplasty Society.


Leia também

  • Hábitos que podem acelerar o desgaste da colunaHábitos que podem acelerar o desgaste da coluna Todo mundo conhece aquela figura de um idoso que caminha curvado, com a ajuda de uma bengala. Apesar de ser somente um estereótipo, há uma grande verdade por trás disso. Nossa coluna […]
  • Má postura pode prejudicar a sua saúdeMá postura pode prejudicar a sua saúde Nossa saúde pode ser afetada por muitos fatores externos que não podemos controlar. Mas há também problemas que podem surgir devido a comportamentos ou hábitos que adquirimos, como por […]
  • Compressão nas estruturas nervosas pode causar dores nas costasCompressão nas estruturas nervosas pode causar dores nas costas Qualquer compressão ou irritação nas estruturas nervosas pode causar dores nas costas. Mas o que é um nervo comprimido? Para responder a essa pergunta, é importante saber um pouco sobre […]
  • Problemas da coluna como consequência da obesidadeProblemas da coluna como consequência da obesidade As pessoas com sobrepeso ou obesas têm alto risco de desenvolverem dor crônica nas costas. Especialistas médicos em todo o mundo tentam conscientizar a população sobre as duas doenças cada […]
  • O estresse é um inimigo da coluna cervicalO estresse é um inimigo da coluna cervical A dor cervical é uma conhecida de muita gente. Tanto que, estudos indicam, 70% da população sofre, ou sofrerá, de dores no pescoço em algum momento da vida. A incidência do problema pode […]
  • Disfunções cervicais mais comunsDisfunções cervicais mais comuns As dores no pescoço são um dos principais motivos para as pessoas buscarem por atendimento médico. E não é para menos. Estima-se que a dor nas costas, em geral, é um distúrbio que afetará […]