Como melhorar a saúde da sua coluna?

10 de fevereiro de 2021 | sem comentário | Categoria(s): Artigos, coluna cervical, coluna lombar, coluna vertebral, dores nas costas, postura, vertebrata

Você já teve alguma dor nas costas leve por vários meses? E um dia, depois de várias horas sentado no escritório, de repente, uma forte pontada na região lombar o deixou incapaz de fazer qualquer movimento?

A verdade é que cerca de 80% da população sofre ou sofrerá fortes dores nas costas ao longo da vida, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). As costas são um dos principais eixos da anatomia humana cuja função é apoiar o corpo e permitir sua movimentação, manter o centro de gravidade em equilíbrio e proteger a medula espinhal.

A coluna vertebral é composta por vértebras (ossos), músculos, ligamentos, nervos e tendões interconectados, e qualquer uma dessas partes pode causar dor. Seja um desconforto leve e constante a punções repetidas que dificultam os movimentos. 

E isso pode se dar ao tropeçar, para levantar algo pesado, adotando uma postura inadequada, e essa dor pode tanto surgir de repente, quanto aos poucos. Qualquer pessoa, independentemente da idade ou sexo, pode estar sujeita ao problema.

 

O que pode causar a dor nas costas?

Em muitos dos casos, as doenças nas costas não estão associadas a um motivo específico e não são graves. Só é possível determinar a causa em uma pequena porcentagem dos casos, sendo a grande maioria denominadas lesões inespecíficas, as típicas sobrecargas ou contraturas e doenças degenerativas. 

Isso significa que não podemos estabelecer com precisão o que está causando os sintomas. A boa notícia é que quase todos os casos evoluem positivamente. 

A maior incidência de dor é registrada na região lombar, seguida de perto pela região cervical e por fim na região dorsal. Geralmente estão associadas a problemas mecânicos nas costas decorrentes do estilo de vida. A má postura, as posições mantidas por muito tempo, o esforço, o estresse, a tensão emocional ou a prática esportiva costumam causar esgotamento muscular nas costas.

Mas quem sofre não vive somente com dor. Pessoas nessas condições também têm dificuldade para realizar ações simples do cotidiano, como pegar algo do chão ou carregar uma sacola de compras, o que reduz a sua qualidade de vida.

 

Fatores que ameaçam a saúde da coluna

Para manter uma coluna saudável é essencial conhecer os fatores que aumentam o risco dos problemas nas costas. Posturas inadequadas mantidas ao longo do tempo, seja dirigir, dormir, ou durante o expediente de trabalho, acabam gerando desconforto nessa região. 

A higiene postural é fundamental. Devemos estar atentos à postura que adotamos e modificá-la quando necessário para que não gere desequilíbrios no corpo. Levantar e empurrar objetos muito pesados exige um esforço extra da coluna e dos músculos. As lombalgias agudas e as cervicais são mais frequentes após os esforços, pois a pressão intradiscal aumenta, e causa pinçamento de nervos e ocasionando causa dores agudas.

Excesso de peso, e até mesmo a gravidez, são outros fatores de risco. Nessas situações, o indivíduo fica mais sujeito a sofrer sobrecarga na região lombar. A má condição física, assim como o sedentarismo, são outras causas que aumentam as chances de dores nas costas. 

A idade também é um aspecto muito relevante. Com o passar dos anos, o tônus ​​muscular diminui, a estrutura que forma a coluna vertebral desgasta-se naturalmente e a elasticidade é reduzida. 

Outra das causas que influencia a região lombar é o tabagismo, pois fumar reduz o fluxo sanguíneo nessa região. Uma relação direta com o tabagismo é observada no aumento da degeneração dos discos ao nível lombar. A ansiedade, o estresse e a depressão, por outro lado, aumentam a tensão muscular, levando a contraturas.

 

Como manter a coluna saudável?

O repouso é uma das soluções imediatas para a recuperação dos músculos e tecidos danificados que causam dor. Aplicar calor ou frio, além de prescrição de analgésicos por um médico especialista, também podem aliviar a rigidez e a dor.

Quando a enfermidade persiste e até impede a mobilidade, as sessões de fisioterapia podem ser uma boa opção para eliminar desconforto enquanto ajuda a recuperar a funcionalidade das costas. Também é aconselhável fortalecer os músculos nessa área. 

O exercício suave normalmente contribui para a melhora, diminui o estresse da vida diária e promove uma boa forma física. No entanto, esportes que exigem torção do tronco são menos recomendados. Um preparador físico pode ter um importante papel para erradicar essas dores por meio de exercícios personalizados e adaptados à patologia de cada pessoa. 

Na verdade, cada coluna é única. Se a dor é tão intensa que não é aliviada por analgésicos, não desaparece em várias semanas, irradia-se para as pernas ou braços, ou não cede a qualquer terapia, a visita ao médico especialista é obrigatória.

 

Diagnóstico e tratamento de doenças da coluna

A Clínica Vertebrata trabalha há mais de 25 anos na investigação, tratamento e diagnóstico das doenças que podem afetar a coluna vertebral. Referência na promoção de saúde no Rio Grande do Sul, realiza atendimentos em Porto Alegre, Canoas e Capão da Canoa.

A Clínica atua a partir de técnicas cirúrgicas que privilegiam os tratamentos minimamente invasivos, em sua maioria de caráter ambulatorial, o que propicia aos pacientes o retorno mais rápido às atividades de rotina. 

Trata-se de um novo conceito na investigação, diagnóstico e tratamentos das doenças da coluna. Se o seu problema são as dores nas costas, nós podemos ajudar. Entre em contato com nossa equipe e agende a sua consulta.10

Médico neurocirurgião especialista em tratamentos da coluna vertebral, é membro titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, Academia Brasileira de Neurocirurgia e Sociedade Brasileira de Coluna, bem como da North American Spine Society e Spinal Artroplasty Society.


Leia também

  • Longevidade: saiba como garantir uma boa saúde da coluna na terceira idadeLongevidade: saiba como garantir uma boa saúde da coluna na terceira idade Com o aumento da expectativa de vida do brasileiro indo para 76,7 anos, conforme aponta um levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística(IBGE-2020), como melhorar […]
  • Escoliose durante a gestação: quais os cuidados?Escoliose durante a gestação: quais os cuidados? A escoliose é um distúrbio que causa uma curva anormal da coluna vertebral, o que faz com que ela se incline para um lado. Essa curvatura pode estar em qualquer parte da coluna, embora […]
  • Estou acordando com dores nas costas. O que isso significa?Estou acordando com dores nas costas. O que isso significa? Você sente uma forte dor lombar toda vez que levanta pela manhã? A sua dor nas costas o impede de dormir bem? Uma das sensações mais desagradáveis é aquela dor nas costas matinal que pode […]
  • Hábitos para uma boa posturaHábitos para uma boa postura A higiene postural consiste em posicionar o corpo de forma adequada para proteger a coluna vertebral,  evitar sobrecarregá-la e prevenir possíveis lesões. Muitas vezes, os maus hábitos nos […]
  • Dores nas costas em criançasDores nas costas em crianças A dor nas costas é bastante comum em crianças, principalmente em idade escolar e adolescência. E isso pode ocorrer provavelmente porque passam muito tempo sentadas em más posturas, […]
  • Sinais de lombalgia crônicaSinais de lombalgia crônica No mundo todo, a dor nas costas é um dos motivos mais comuns pelos quais as pessoas vão ao médico ou faltam ao trabalho, sendo a condição considerada uma das principais causas […]