Qual o tamanho da cicatriz em uma Cirurgia Minimamente Invasiva?

17 de agosto de 2021 | sem comentário | Categoria(s): tratamentos

As cirurgias minimamente invasivas, ou menos invasiva da coluna vertebral, são técnicas cirúrgicas desenvolvidas com objetivo de proporcionar menor agressão aos tecidos do corpo e como alternativa aos tradicionais procedimentos cirúrgicos abertos realizados para tratar diferentes problemas da coluna vertebral.

Como os nervos espinhais, vértebras e discos estão localizados no interior do corpo, qualquer abordagem para obter acesso à área da coluna vertebral requer a lesão do tecido muscular.

Na cirurgia minimamente invasiva esse procedimento é minimizado utilizando-se de uma ou algumas pequenas incisões e instrumentos de orientação e/ou câmeras de vídeo microscópicas inseridos através de incisões menores para visualização da área cirúrgica em um monitor durante o procedimento para o cirurgião da coluna, conhecida como Cirurgia Endoscópica da Coluna ou Cirurgia por Vídeo.

 

Qual o tamanho da cicatriz em uma Cirurgia Minimamente Invasiva?

Além de diversas vantagens, como curto período de internação e rápida recuperação do paciente, as cirurgias minimamente invasivas da coluna são feitas com um corte mínimo. A incisão da pele na endoscopia da coluna tem aproximadamente um centímetro, tornando a cicatriz algo imperceptível.

São cirurgias feitas com mínimas incisões, resultados comparáveis aos procedimentos tradicionais, no entanto, possibilitando uma recuperação muito mais rápida ao paciente.

Atendendo pessoas do Rio Grande do Sul inteiro, a Clínica Vertebrata atua há mais de 25 anos, sempre com um propósito: promover o seu bem-estar.

Venha discutir seu caso com nossa equipe. Agende sua consulta. Trabalhamos com as principais operadoras de saúde do mercado.

 

Médico neurocirurgião especialista em tratamentos da coluna vertebral, é membro titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, Academia Brasileira de Neurocirurgia e Sociedade Brasileira de Coluna, bem como da North American Spine Society e Spinal Artroplasty Society.


Leia também